Notícias - Dificuldades Financeiras - Causas e Soluções

  • Menor
  • Maior

Outras notícias

Dificuldades Financeiras - Causas e Soluções

Causas e Soluções
Causas e Soluções
As dificuldades financeiras que o povo brasileiro tem sofrido atualmente, já não é mais novidade. O governo federal estima que 62,2% da população encontra-se endividada no momento. Veja uma lista das principais causas de endividamento.

A má administração financeiro: Quando alguém não sabe muito bem o quanto ganha e o quanto gasta.
A solução é ter um controle das contas para aprender a resolver isso.
Inexistência de uma reserva de emergência: A reserva de emergência é uma recomendação obrigatória. (o recomendado é o equivalente de três a seis meses da sua renda líquida).
Consumo excessivo: Muitas pessoas compram mais do que ganham e isso afeta seu orçamento.
A solução é bem óbvia, comprar menos. Existem aplicativos de controle financeiro ótimos. Por exemplo o Mobills.
Cheque especial e crédito rotativo: Dívidas com o crédito rotativo do cartão de crédito e o cheque especial são os grandes vilões. Crédito rotativo com suas taxas de 10% ao mês (cuidado, a taxa anual supera os 400%).
Crediario: Evitar é muito importante isso porque normalmente os juros nas operações são na casa de 110% ao ano. Apesar de mais baixa do que das outras linhas de crédito como cheque especial, crédito rotativo do cartão de crédito e o CDC (crédito direto ao consumidor). Às mais baratas são o financiamento imobiliário e de veículos.
Empréstimos Pessoais: Mais caro do que fazer um crediário. Este tipo de dívida tem taxas de juros altíssimas, na casa dos 3,50% a 4,50% ao mês.
Falta de renda: Nós estamos saindo de uma das maiores crises da história atual do Brasil, o desemprego e a redução da renda tem sido uma das principais causas do endividamento das famílias.
Doença: O custo da saúde vai além dos planos de saúde, há também o preço dos remédios.
Financiamentos: Atrasar o pagamento da prestação do automóvel ou da casa própria pode gerar consequências graves. Normalmente a retomada de um bem tenha início no terceiro mês de atraso e o processo de retomada costuma levar mais três meses. Cabe a você investir em si mesmo e na sua educação financeira para ter uma vida feliz com às finanças em dia.


Tags: on  
Comentar







Comentários

    Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar.



busca
publicidade
  • Soldisbel 01
  • Jardim Europa - Loteamento
  • Farmácia Mandacaru
  • HSH
  • Jambo Supermercados
  • publicidade
    CAP no Blog
    Haras Majú

  • Urocenter
  • Cliram

  • publicidade
    Matisse 2Braga Júnior Imobiliária
    Colégio Matisse